domingo, 24 de janeiro de 2010

Ele Quis Acabar com o Carnaval. Morreu na Fogueira!

Florenca[1]

Florença antiga

Quando o puritano pregador dominicano Savonarola tentou expurgar Florença de seus “maus hábitos”, substituindo as obcenas canções de carnaval por cânticos de louvor, o povo correu das igrejas para as tavernas.

Quando Lourenzo di Medici (foto) chegou ao poder em 10000007337[1]469, a Renascença italiana estava em pleno florescimento. Acolhendo os intelectuais mais brilhantes em seu palácio e patrocinando artistas legendários como Botticelli e Michelangelo, Lorenzo ajudou esse florescimento a revestir-se de exuberantes cores. Ele ficou conhecido como “Lorenzo, o Magnífico”, um homem que parecia viver doze vidas ao mesmo tempo, o arquétipo do “homem renascentista”. Contudo, uma de suas realizações menos reconhecidas diz respeito a uma paixão pela música. Os filósofos de sua corte acreditavam que a música purificava a alma, aproximando-na mais de Deus, sendo a fonte da “Harmonia Universal”; o próprio Lorenzo era cantor e escrevia poemas para serem musicados.

Na Florença do 697fca888146e776c1c48b43360e9209[1]séc. XV, maio e junho eram meses de carnaval. Em uma festa tradicional conhecida como Calendimaggio (foto), os florentinos celebravam o santo padroeiro da cidade – São João – e a volta da primavera, usando máscaras e desfilando pelas ruas e cantando as antigas “canções de maio”. Essas formas simples de música popular do séc. XV tinham sido transmitidas, de geração em geração, principalmente pela tradição oral, com harmonizações improvisadas.

No reinado de Lorenzo, as celebrações do carnaval tornaram-se intensas e elaboradas. A talentosos poetas e músicos, ele encomendava novas canções – os canti carnavaleschi –, e ele mesmo chegou a escrever muitas delas. “Como é doce a juventude, mas tão fugidia”, medita ele em O Triunfo de Baco. “Quem quiser que se alegre, pois quem sabe o que o amanhã reserva?”

Além disso, Lorenzo sabiamente agradava às pessoas comuns escrevendo seus poemas no dialeto toscano, e não em latim, no que foi seguido por seus contemporâneos. Algumas dessas canções captavam um pouco da vida cotidiana de Florença, com alusões claramente eróticas.

Todo o colorido e a vibração do carnaval, com seus carros alegóricos (sim, já existiam naquela época), quadros vivos, o poderoso som dos instrumentos, máscaras grotescas e bandeiras pintadas pelos grandes pintores da cidade, deve ter sido uma maravilha para os espectadores. Para se ter uma ideia das festividades, ouça ao exuberante “Palle palle palle” no player abaixo, a peça instrumental que abria o carnaval.

Mas a alegria não poderia durar para sempre.GHIRL1[1]

Lorenzo de Medici morreu em 1492 (ano que Colombo “descobriu” a América) e foi sucedido por seu filho Pietro (foto), que comandou Florença por apenas dois anos, antes de ter sido expulso quando a Itália foi invadida pelos franceses. Os Medici foram exilados, Florença foi declarada república, e o terrível pregador dominicano Savonarola ascendeu ao poder. Desgostoso pelos vícios e a luxúria de seus predecessores urbanos, e convencido de que o Apocalipse estava próximo, Savonarola proclamou Jesus Cristo rei de Florença e assumiu a missão de purgar a cidade de seus “maus hábitos”. Seu maior alvo foi o carnaval.

Sob Savonarsavonarola[1]ola (foto), o desfile transformou-se em uma procissão penitencial, as canções libidinosas foram substituídas por laudatórias, nos carros alegóricos os mascarados foram substituídos pela Morte armada com sua foice e ataúdes de onde saiam esqueletos entoando lamentos. O alegre evento dos Medici transformou-se no Carnavale con croccifisso.

O povo de Florença não estava na da satisfeito, tendo desertado das igrejas em favor das tavernas da cidade. Mas seu infortúnio teve breve duração. Savonarola logo selou seu próprio destino ao se fogueira_6[1]voltar contra o Papa e desafiar Roma abertamente, mesmo depois de ter sido excomungado. Ele foi queimado na fogueira em 23 de maio de 1498.

Mas o fantasma de Savonarola continuou a rondar a cidade. Mesmo depois de a família Medici ter sido reconduzida ao poder em Florença, no início do séc. XVI, o carnaval nunca mais conheceu seu antigo esplendor, deslocando-se das ruas para os palácios. E a música tornou-se mais recatada, deslocando-se das danças populares para se aproximar do madrigal. A festa havia terminado.

  Queima ele!!

AUDIÇÃO COMENTADA

Isaac, Anônimo florentino, música de carnaval - “Palle, palle, palle, “Visin, Visin”

545px-Coat_of_Arms_of_Medici.svg[1]

00:00 – A Palle, palle, palle, uma peça instrumental, abria o carnaval de maio. Escrita pelo compositor oficial dos Medici, Heinrich Isaac, as palle eram as bolas representadas no brasão de armas dos Medici (foto).

01:58 – Visin, visin, uma libidinosa canção de limpador de chaminés, descreve a importância de se manterem as chaminés bem limpas para que elas não se incendeiem (se é que me entendem…).

Fonte: Revista Classic CD nº 21

té mais!

2 comentários:

Lorena Lima disse...

Muito bom seu blog, estou seguindo-o!
Caso goste do meu também, fique a vontade pra seguí-lo também.

http://loreniitaahh.blogspot.com/

Um abração carioca,

LL

Anônimo disse...

pelo menos o carnaval dakele tempo era vestido; se depois q veio pro brasil, a desgraça rola solta

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante, todos que são publicados são respondidos, mas antes de escrever, leia as normas do blog:

Você pode: Opinar, elogiar, criticar, sugerir, debater e discordar.
Mas NÃO PODE ofender, insultar, difamar, divulgar spam, fazer racismo, ou qualquer tipo de conteúdo ilegal, além de usar palavras de baixo calão de maneira gratuita.

Obrigado por sua participação, fico na expectativa de seu retorno!

Conheça o Super Fusion Blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Sons, Filmes & Afins,

um refúgio para quem tem a mente aberta, mas opinião própria"

Marcadores

1975 (1) 1977 (1) 1979 (45) 2 Tone (1) 2001 (1) 50 Obras Revolucionárias (51) A Formação do Gosto Musical (8) A Pedidos (3) Abba (3) AC/DC (2) ação (14) Acervo Original (6) acid house (4) acid jazz (6) Acid Rock (1) acid techno (1) Aerosmith (2) afoxé (1) afrobeat (3) Allman Brothers Blues Band (1) Alternative Dance (1) Ambient (2) amizade (6) análise (1) animação (2) Aniversário (1) Arraste-me para o inferno (1) Art Blakey (1) art rock (5) aventura (4) axé (2) baião (1) baixo (6) baladas (3) balanço do ano (5) Barry White (1) bateria (2) be bop (8) Bebel Gilberto (1) Beethoven (6) Bela Fleck (1) Ben Affleck (1) Ben Kingsley (1) Berg (1) Berlioz (3) big band (2) Big Star (1) Bill Evans (1) Bill Wyman (1) Billie Holiday (1) Billy Bob Thornton (1) Billy Joel (1) biografia (3) black metal (2) Black Sabbath (1) Blackened Death Metal (1) Blind Faith (1) Blondie (1) Blue Cheer (1) bluegrass (1) blues (14) blues rock (1) Bob Dylan (1) Bob Marley (2) bolero (2) Bon Jovi (2) bossa nova (5) Boston (1) Boulez (1) Brahms (1) Brian Eno (6) Brittany Murphy (1) Brutal Death Metal (1) Buddy Guy (1) Burning Spear (1) Buzzcocks (2) Caetano Veloso (3) Cage (1) calipso (1) Camisa de Vênus (1) Cannonball Adderley (1) cantata (1) Carpenters (1) celta (2) Charles Mingus (1) Charlie Parker (2) Cheap Trick (1) Cher (1) Chet Baker (1) Chic (3) Chic Corea (4) chicago blues (2) Chico Buarque (2) Chopin (1) Choro (1) Christian McBride (1) Cícero (6) Clive Owen (1) comédia (16) Concerto (1) Cool Jazz (5) Count Basie (1) Counting Crows (1) country (7) country rock (3) Crumb (1) Curtis Mayfield (1) dance (3) David Bowie (6) Dead Kennedys (1) Death Doom Metal (1) death metal (6) debate (2) Debussy (2) Deep Purple (2) Def Leppard (1) Delaney Bonnie And Friends (1) delta blues (2) Dennis Hopper (1) Dennis Quaid (1) Dennis Wilson (1) Denzel Washington (1) Derek And The Dominos (1) Descartes (2) Destaques (1) Devo (2) Dianne Reeves (1) Dire Straits (1) disco (8) Divulgação (1) Dizzie Gilesppie (1) Django Reinhardt (1) Donizetti (1) Donna Summer (1) doo wop (3) Doom Metal (1) drama (27) Dream Theater (1) Drone Doom (1) Duke Ellington (4) Dulce Pontes (1) Dupré (1) Eagles (1) Earth Wind and Fire (3) easy listening (2) Electric Blues (1) electric-folk (1) Elis Regina (1) Ella Fitzgerald (1) ELO (1) Elton John (2) Elvis Costello (2) ensaio (25) Entrevista (1) época (2) Eric Clapton (3) Erroll Garner (1) Esta Música é Arte? (3) fado (2) Fairport Convention (1) Falecimentos (7) fantasia (4) Fela Kuti (1) Feldman (1) ficção científica (6) filme (69) Filosofia (3) flamenco (2) Fleetwood Mac (3) folk (9) Folk Metal (1) forró (1) Frank Sinatra (1) free jazz (4) frevo (1) Funeral Doom (1) funk (14) Funkadelic (1) fusion (10) Gal Costa (2) Gang of Four (1) Gary Numan (1) Genesis (2) Gershwin (1) Gesualdo (1) Gilberto Gil (2) glam rock (1) Glinka (2) Gluck (1) gospel (3) gótico (6) Grammy (2) Graziani (1) Gregory Isaacs (1) guerra (4) guitara (2) guitarra (5) gypsy jazz (1) Hank Jones (1) hard bop (4) hard rock (15) hardcore (2) Haydn (3) heavy metal (17) Herbie Hancock (2) hip-hop (5) Holger Czukay (1) Holst (1) homenagem (1) Horace Silver (1) Houghton (1) house (2) Ian Dury (1) Iggy Pop (2) indie rock (1) infantil (2) Iron Butterfly (1) Isaac (1) Isabelle Fuhrman (1) Ives (1) J.S. Bach (5) Jaco Pastorious (2) James Brown (2) Jamiroquai (1) Japan (1) jazz (44) Jazz Modal (1) Jean Michel Jarre (2) Jefferson Airplane (1) Jenifer Lopez (1) Jimi Hendrix (1) Jimmy Cliff (1) Jimmy Smith (1) Joan Armatrading (1) Joan Sutherland (1) João Gilberto (2) John Coltrane (1) John Mayall's Bluesbreakers (1) John Travolta (1) Johnny Alf (1) Joni Mitchell (3) Jorge Ben Jor (2) Joy Division (2) Judas Priest (1) Julia Roberts (1) Keith Jarrett (1) Kim Bassinger (1) Kiss (2) Kompha (1) Kraftwerk (2) krautrock (5) Led Zeppelin (2) Lee Jackson (1) Leibniz (1) Lenny White (1) Leonin (1) Listas (19) Liszt (2) Louis Armstrong (2) lundu (1) Machaut (1) madchester (2) Magazine (1) Mahler (2) Marcelo Nova (1) Maria Bethânia (1) Marianne Faithfull (1) Marvin Gaye (3) MDM (1) Meat Loaf (1) Medieval Metal (1) Melodic Death Metal (1) Memphis (1) Meryl Streep (1) Messiaen (1) Metal Progressivo (2) Michael Jackson (3) Mickey Rourke (1) Miles Davis (4) Miúcha (1) modal (2) modinha (1) Monteverdi (2) Motörhead (1) Mozart (6) MPB (10) músic eletrônica (3) música ambiente (4) música clásica (1) música clássica (4) Música do outro mundo (11) música eletrônica (4) música experimental (3) música industrial (2) Música na Cabeça (7) musical (1) Musicoterapia (1) Ná Ozzetti (1) Nat King Cole (1) Neil Young (1) new age (1) new wave (15) Ney Matogrosso (1) Nina Simone (1) Nirvana (1) O que é? (6) ópera rock (2) opinião (23) Oscar (1) Paco de Lucía (1) Parliament (2) Pat Metheny (1) Paul Giamatti (1) Paul McCartney (1) Paul Weller (1) Paulinho Nogueira (1) Paulo Moura (1) Penelope Cruz (1) Pere Ubu (2) Peri (1) Perotin (1) Perusio (1) Peter Frampton (1) Peter Gabriel (1) Peter Sarsgaard (1) Peter Tosh (1) piano (2) Pink Floyd (6) polca (1) Police (1) policial (5) pop (23) pop rock (4) pós-punk (6) Post-Punk (2) Poulenc (1) Power Metal (1) Presente (2) Primus (1) Prince (1) Progressive Death Metal (1) promocional (6) Public Image Ltd. (2) Puccini (1) punk rock (31) Quadrinho (1) Queen (1) Racionais MCs (1) Ramones (3) rap (2) Red Hot Chili Peppers (2) reggae (6) Reich (1) Return To Forever (1) Richard Wagner (2) Rick Wakeman (1) rock (70) rock de vanguarda (4) rock progressivo (9) rock psicodélico (3) rockabilly (2) Rolling Stones (2) romance (9) Ronnie James Dio (1) Rush (1) Russell Crowe (1) Rythm and Blues (5) Saint-Saens (1) Sam Raimi (1) samba (5) Sarah Vaughan (1) Satie (1) sax (1) Schoenberg (4) Schubert (3) Schumann (2) Scorpions (1) Scriabin (1) sebo (1) Série Especial de Domingo (80) Sex Pistols (6) Shirley Verrett (1) Show (1) Simone (1) Siouxsie and The Banshees (1) Sister Sledge (1) ska (1) smooth jazz (3) soul (9) soul jazz (4) speed metal (2) Spyro Gyra (1) Stan Getz (1) Stanlay Clarke (1) Star Trek (1) Steely Dan (1) Stéphane Grappelli (1) Steve Vai (1) Steve Winwood (1) Stevie Wonder (2) Stockhausen (1) Stravinsky (1) Sunday (1) Supertramp (1) surf music (1) suspense (14) swing (5) Symphonic Prog (1) synthpop (3) Talking Heads (2) tango (2) Tchaikovski (2) Technical Death Metal (1) techno (5) Television (1) Terri Lyne Carrington (1) terror (7) Tex (1) The Adverts (1) The B-52's (1) The Beach Boys (1) The Beatles (3) The Cars (1) The Clash (3) The Cramps (2) The Cream (3) The Crusaders (1) The Damned (1) The Doors (1) The Fall (1) The Germs (1) The Gun Club (1) The Hollies (1) The Jam (1) The Jazz Crusaders (1) The Modern Lovers (2) The Only Ones (1) The Penguin Cafe Orchestra (1) The Residents (1) The Saints (1) The Slits (2) The Specials (1) The Stooges (2) The Stranglers (2) The Trio (1) The Undertones (1) The Who (1) Thelonious Monk (2) Thin Lizzy (1) thrash metal (2) Throbbing Gristle (1) Titãs (1) Tom Jobim (2) Tom Petty (1) Tom Wilkinson (1) Top Blog (1) TOPS (1) Toquinho (1) Tracy Chapman (1) Traffic (1) trance (2) tropicália (3) Tudo isso é rock (1) valsa (1) Van Halen (2) Van Morrisson (1) Varèse (1) Vaughan Williams (1) Velvet Underground (1) Vera Farmiga (1) Vídeo (1) Viking Metal (1) Villa-Lobos (1) Vinícius de Moraes (1) Vinil (1) violão (1) Vivaldi (2) Watt 69 (1) Weber (1) Webern (1) Wes Montgomery (1) west coast jazz (1) Wheater Report (1) Willie Nelson (2) Winger (1) Winona Ryder (1) Wire (2) X-Ray Spex (1) Yardbirds (1) Yes (1)